Construído dentro da rede Ethereum com base em contratos inteligentes, a Compound (COMP) é um protocolo DeFi e visa proporcionar empréstimos entre os usuários.

Desde o começo do ano, o seu token nativo, COMP, teve um desempenho bastante interessante dentro do mercado cripto. Inclusive, no início de maio de 2021, a moeda atingiu o valor histórico de US$ 911.

Hoje, nós iremos explicar a você sobre essa criptomoeda que tanto tem chamado a atenção dos investidores. Além disso, você vai entender como funciona esse sistema de empréstimos da plataforma, seu principal diferencial.

Acompanhe com a gente! 

O que é o Compound (COMP)?

Criado com o objetivo de abrir um universo de aplicações financeiras descentralizadas aos usuários de criptoativos, o Compound é um protocolo de empréstimos que permite com que os usuários recebam juros sobre suas moedas.

Quando depositados na plataforma, os tokens dos usuários (ERC20 ou cToken) podem ser disponibilizados para empréstimo e, quando uma pessoa solicita esse empréstimo, esses ativos ficam bloqueados no protocolo gerando liquidez para essas pools de empréstimo. A vantagem para o usuário que injetou liquidez nessas pools é que o seus ativos começam a render juros.

Baseado na rede Ethereum, ele funciona a partir de vários pools suportados na plataforma e as suas taxas de juros são calculadas a partir de algoritmos que provêm da oferta e demanda do ativo.

Quem são os fundadores do Compound (COMP)?

Desenvolvido em 2017 por Robert Leshner e Geoffrey Hayes, o protocolo Compound foi oficialmente lançado no mês de maio de 2018 por meio de uma rodada “seed” 一 a qual totalizou em US$ 8,2 milhões.

Com esse crescimento, impulsionado principalmente pela Andreessen-Horowitz (a16z), Bain Capital Ventures e Polychain, o Compound (COMP) foi lançado na Ethereum em setembro de 2018.

A partir daí, mais algumas rodadas de financiamento foram acontecendo ao longo do tempo, como a de novembro de 2019 (que angariou US$ 25 milhões para otimizar sua base de usuários).

O que o Compound (COMP) tem de diferente?

De acordo com o próprio protocolo, a maior parte das criptomoedas fica parada nas exchanges, sem render nada de diferente aos seus detentores. Diante disso, o Compound chegou para modificar esse sistema.

A plataforma, então, possibilita que qualquer usuário deposite seus tokens ali e ganhe juros sobre eles. Além disso, também é possível contrair um empréstimo de outro usuário, algo completamente diferente do que se estava acostumado até então.

Quantas moedas Compound (COMP) existem em circulação?

Com o início do protocolo, 10 milhões de tokens COMP foram emitidos e distribuídos da seguinte maneira:

– 4.229.949 enviados aos usuários do protocolo durante 4 anos;

– 2.396.307 enviados aos shareholders do Compound Labs, Inc.;

– 2.226.037 enviados aos fundadores e membros da equipe do Compound durante 4 anos;

– 372.707 separados para futuros membros da equipe;

– 775.000 alocados para promover a governança da comunidade.

Estima-se que até fevereiro de 2021, 4,3 milhões de COMP estavam em circulação, sendo que 2.312 unidades, aproximadamente, são distribuídas por dia aos usuários do protocolo.

O Compound (COMP) é seguro?

Tudo o que é feito dentro do Compound é tratado de maneira automática pelos contratos inteligentes. Ademais, o protocolo impõe, também, um fator de colateralidade para todos os ativos que são suportados pela plataforma. 

Sendo assim, cada pool é sobrecolateralizado em todos os momentos, o que significa que, se a garantia ficar abaixo do nível de manutenção, ela é vendida aos credores (quem empresta o dinheiro) com um desconto de 5%, porcentagem que paga parte do empréstimo e devolve um valor aceitável ao usuário.

Com isso, a plataforma fornece maior segurança aos seus usuários e garante que os mutuários (quem recebe o dinheiro do empréstimo) mantenham seus níveis de garantia.

Onde comprar Compound (COMP) hoje?

O COMP, token do Compound, está disponível para compra em diversas exchanges, incluindo a Monnos, a cryptobank com a maior simplicidade de negociação do Brasil.

Em nossa plataforma, você consegue comprar e vender seus ativos, gerenciá-los por objetivo, sincronizar suas estratégias com as de traders experientes e ainda usá-los no dia a dia através do Monnos Card 一 o que acontece de um jeito muito simples.

Ao utilizar o nosso cartão, você converte mais de 60 criptomoedas em reais e pode comprar o que quiser, onde quiser. E mais: você ainda pode receber até 5% de cashback pago em tokens MNS, token nativo da Monnos, e trocá-los por qualquer outra moeda disponível na plataforma.

Ficou interessado? Então baixe o nosso app e tenha um outro olhar sobre suas finanças!

Como usar Compound (COMP)?

O Compound proporciona que credores e mutuários façam negócios entre si: enquanto uns depositam seus tokens na plataforma, disponibilizando-os para empréstimos, outros os tomam emprestado, gerando, assim, juros para aqueles primeiros.

E como tudo isso funciona? De um jeito superfácil 一 mas, antes, você precisa entender quem são os principais usuários da plataforma:

– Credores: usuários que desejam emprestar suas criptomoedas no Compound. Eles enviam seus cTokens para um endereço Ethereum controlado pelo protocolo, a fim de ganhar juros, e recebem como recompensa tokens COMP.

– Mutuários: usuários que publicam garantias no Compound em forma de criptomoedas. Com isso, eles podem pegar emprestado outras criptos disponíveis.

Com o dinheiro injetado na plataforma, pools de liquidez com base em ativos criptográficos são gerados, proporcionando todas as movimentações disponibilizadas.

Existem limites de depósito ou retirada?

Para saber qual o limite de depósito e retirada de COMP, é preciso consultar a exchange que suas criptos têm vínculo. 

Contudo, é possível também utilizar a plataforma do próprio Compound. Nesse caso, há o pagamento de taxas da própria plataforma, bem como as da Ethereum, rede em que está baseada.

Confira a seguir os custos dos pools de liquidez do Compound:

– Mint: menos de 150 mil e, se for em Compound Dai (CDAI), menos de 300 mil.

– Resgatar e transferir: menos de 250 mil se for emprestado; caso contrário, menos de 90 mil.

– Pedir emprestado: menos de 300 mil.

– Reembolsar empréstimo: menos de 90 mil.

– Liquidar o empréstimo: menos de 400 mil.

 COMP é compatível no Brasil?

Para que um brasileiro consiga adquirir COMP, é preciso que ele tenha um cadastro em alguma exchange que tenha esse ativo em seu portfólio. 

Para tal, basta fazer uma pesquisa da que melhor se adeque ao seu perfil de investidor e realizar um depósito (em cripto ou em real) para que as negociações comecem a ser feitas.

Caso você seja iniciante no mundo dos investimentos em criptomoedas, confira este nosso artigo sobre o assunto.

Conclusão

Criptoativo que tem crescido bastante no mercado, o Compound (COMP) possui grandes vantagens para quem está pensando investir em algo que traga rendimento positivo mais para frente. Inclusive, já listamos a moeda como as 10 mais promissoras de 2021, como você pode ler aqui.

A Monnos, presente no mercado há 2 anos, tem o objetivo de mudar a relação das pessoas com as suas finanças, incluindo a sua. Entre em contato conosco e saiba mais sobre o nosso trabalho!