De uns anos para cá, muitos projetos DeFi (finanças descentralizadas) surgiram no mercado financeiro 一 e, desses, um dos mais antigos é a Aave.

Com o objetivo de ser uma plataforma que oferece empréstimos de criptomoedas de maneira descentralizada, a Aave foi, com o passar do tempo, evoluindo dentro do mundo de criptomoedas. Sendo assim, hoje ela é muito mais do que era quando foi lançada.

Bastante comentada nos últimos meses devido ao investimento que os cofundadores do Facebook realizaram, essa criptomoeda apresenta um protocolo muito sólido e está sempre trabalhando em cima de atualizações, a fim de manter o bom desempenho que vem tendo.

A seguir, você pode acompanhar todas as informações acerca da cripto. Acompanhe!

O que é Aave?

A Aave é um protocolo DeFi que permite que pessoas façam empréstimos de criptomoedas dentro de sua plataforma.

Em outras palavras, isso significa que, dentro da Aave, você pode emprestar e tomar emprestado criptos que estejam tokenizadas na blockchain do Ethereum.

Na prática, a plataforma diminui os intermediários que existem em bancos tradicionais e oferece oportunidades para ambas as partes da operação, gerando juros sobre depósitos e empréstimos de ativos.

Quem São os Fundadores da Aave?

A Aave 一 originalmente nomeada de ETHLend (LEND) 一 foi lançada em novembro de 2017 pelo finlandês Stani Kulechov.

Na época, Kulechov estava muito frustrado por não existir nenhum aplicativo de empréstimos no Ethereum e, por conta disso, criou o seu próprio.

O protocolo LEND foi renomeado para AAVE em setembro de 2018 e a atualização do documento se deu recentemente, em 2020.

Como funciona a Aave?

Usando a tecnologia de contratos inteligentes do Ethereum, a Aave permite com que as pessoas que emprestam ativos (lenders) emitam tokens ERC-20 a uma proporção 1:1 para outros ativos disponibilizados dentro da plataforma.

Para que o protocolo funcione corretamente, existem duas partes: os que emprestam e os que tomam emprestado (também chamados de borrowers).

Para quem empresta 

Para quem deseja ser um lender dentro da Aave, basta investir seu dinheiro dentro das carteiras que suportam o ativo. Assim, a cada empréstimo que a plataforma fizer, a pessoa tem um pequeno lucro.

Esses rendimentos são contínuos e evoluem conforme as condições do mercado.

Para quem toma empréstimo

Dentro da Aave, os borrowers, para solicitar um empréstimo, precisam deixar uma garantia em troca, o que significa que, basicamente, seus ativos foram penhorados. Logo, quando o valor do empréstimo for devolvido, a plataforma reembolsa todos os ativos.

Os empréstimos possíveis dentro do protocolo podem ter taxa fixa ou variável. Essa última, ou seja, a variável, se ajusta com base na oferta e demanda de cada ativo.

O que é Aave token e aToken?

Dentro do protocolo Aave existem duas moedas: a Aave token e a aToken. Conheça as principais diferenças entre elas:

Aave token

Usada como moeda de governança, a Aave token permite que você tenha direito de voto nas alterações do projeto. Além disso, quem possui ela tem a possibilidade de emprestar valores maiores e, quem empresta, tem determinadas oportunidades antes de outros usuários.

aToken

As aTokens são as moedas usadas para pagar os juros gerados quando um depósito é feito dentro da plataforma. Quando resgatadas, são queimadas. 

O valor de cada aToken é de 1:1 com os demais tokens depositados dentro da Aave.

Fornecimento máximo de AAVE

Toda a circulação de tokens AAVE está vinculada ao valor total bloqueado na plataforma, visto que esses tokens são queimados assim que são resgatados pelos usuários.

Em novembro de 2017, data do lançamento do protocolo, US$ 16,2 milhões foram arrecadados com a venda de 1 bilhão de tokens AAVE. Além disso, outros 23% de tokens foram distribuídos aos fundadores da Aave e também ao projeto.

Construídos em cima do padrão ERC-20, os tokens AAVE são deflacionários, o que significa que, a cada ano que passa, menos tokens existem no mercado.

Hoje, a Aave tem em circulação cerca de 12 milhões de tokens, sendo o seu fornecimento máximo de 16 milhões. 

Quanto vale 1 AAVE?

Com um valor que oscila bastante ao decorrer do dia, hoje a AAVE está na posição 46 da classificação do CoinMarketCap e vale R$ 1838,47. 

AAVE vale a pena?

A Aave possui vários benefícios para quem a utiliza, sendo o principal a sua simplicidade. Além disso, a plataforma é apoiada por grandes empresas e investidores, como a Blockchain Capital, a Winklevoss Capital (dos cofundadores do Facebook) e o site Blockchain.com.

Outro ponto positivo da Aave é o lançamento de pools de liquidez para investidores institucionais. Nesse processo, a estratégia KYC (know your customer) é utilizada para verificar a identidade do cliente, o que acarreta no aumento do mercado de cripto e, consequentemente, beneficia o usuário final pela maior segurança e estabilidade gerada.

Mesmo com todas essas questões, uma que precisa ser levada em consideração antes de investir no token AAVE, ou em qualquer outro, é com relação ao seu grau de risco. As criptomoedas são um investimento de alto risco e precisa ser feito com cautela e muito estudo.

Para entender melhor sobre isso, leia o nosso artigo sobre como investir em criptomoedas com segurança no Brasil.

Como e onde comprar AAVE?

Os tokens AAVE já estão disponíveis em diferentes exchanges brasileiras de criptomoedas. Sendo assim, você consegue adquiri-la direto em reais.

Aqui na Monnos, a exchange com o maior portfólio de criptomoedas do Brasil, você pode comprar essa e outras mais de 70 criptos. E o melhor: de um jeito muito simples e com taxas acessíveis.

Confira o passo a passo:

1 – Baixe o nosso app (disponível na App Store e no Google Play);

2 – Faça seu primeiro depósito na plataforma em reais ou em cripto;

3 – Compre a quantidade que desejar de AAVE.

Em qual carteira posso guardar AAVE?

A Aave não possui uma carteira própria, contudo, no site da plataforma você encontra uma lista de carteiras que aceitam o seu token nativo. 

Dentre elas, estão: 

– Metamask Wallet;

– MEW Wallet;

– Ledger ou Trezor.

Conclusão

A Aave, assim como outras plataformas de criptos que possibilitam a concessão e tomada de empréstimos, já é muito importante dentro do mercado de criptomoedas. E como a Monnos está sempre de olho nas tendências que surgem na área, não poderíamos deixar de fazer esse texto.

Caso você ainda não conheça os nossos serviços, clique aqui e conheça 6 motivos para usar a nossa plataforma.